Ashwagandha: o que é e quais são seus benefícios.

A ashwagandha é uma planta utilizada há milênios como medicamento no oriente. Segundo as práticas da medicina Ayurveda, a ashwagandha é indicada para para combater infecções, queimaduras e picadas de insetos. Porém, a ciência moderna vem apontando uma série de outras indicações para esta planta, como reduzir a ansiedade e melhorar a cognição. Siga no texto e descubra mais sobre os efeitos da ashwagandha no nosso organismo.

O que é ashwagandha
Também conhecida como ginseng indiano, a ashwagandha (Withania somnifera) é um arbusto pequeno (até 75cm de altura), perene e que possui frutos de cor laranja-avermelhada. É cultivada nas regiões altas da Índia, no Nepal, na China e no Iêmen e as partes utilizadas como medicamento pela Ayurveda são a raiz e as folhas.

Uso da ashwagandha na antiguidade
A função medicinal da ashwagandha foi determinada pela Ayurveda ou “a ciência da vida”, que é o sistema médico tradicional da Índia e do Nepal. Este antigo corpo de conhecimento, desenvolvido há mais de 3.000 anos, é uma das práticas mais proeminentes da medicina vernacular hoje em dia.

Esta prática também influenciou outros grandes sistemas de medicina do mundo, incluindo a Medicina Tradicional Chinesa, a Unani-tibb (medicina greco-árabe), medicina tibetana e Siddha (técnicas do sul da Índia e Sri Lanka).

No sistema Ayurveda, há uma série de remédios restauradores muito estimados, conhecidos como rasayanas. Os objetivos desses remédios eram diversos, mas os efeitos atribuídos a um tratamento eram ligados à vitalidade: longevidade, saúde, intelecto e sexualidade.

Entre as rasayanas, a ashwagandha é uma das mais populares. A raiz é a principal parte utilizada, embora a folha apresente uma longa tradição de ser usada diretamente na pele, de forma tópica.

Benefícios da ashwagandha
Investigada pela ciência moderna, a ashwagandha se mostrou útil em diversos tratamentos. Segundo a ciência médica, os benefícios da ashwagandha podem ser divididos em três categorias:

Evidência (efeitos comprovados em estudos com humanos): acalmar o cérebro, favorecer a concentração e auxiliar na resposta saudável ao estresse diário;
Potencial (efeitos comprovados em estudos em laboratório): reduzir a inflamação, controlar a pressão arterial, melhorar a força muscular e ativar o sistema imune;
Estudos primários (estudos laboratoriais em fase inicial): atuar como anticâncer e combater condições associadas ao excesso de estresse.
Como tomar a ashwagandha
Normalmente, a dosagem médica varia de paciente para paciente, ou de acordo com a condição clínica a ser tratada. É preciso ainda cuidado com uma possível interação com medicamentos imunossupressores, que podem ter seu efeito anulado, e com possíveis efeitos colaterais, como sonolência excessiva.

Quer saber mais sobre a manipulação de medicamentos com ashwagandha? Fale com seu médico ou nutricionista e manipule com a Farmácia Verde Flora.

“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da Farmácia Verde Flora.”

Compartilhe!

Veja também

Carrinho Tem um cupom?
  • Sem produtos no carrinho.